Kromnws – Revista digital é lançada pelo G7

Por Revista Kromnws

25/08/2021

Neste dia 25 de agosto de 2021, a Plataforma de conteúdos G7 Play do G7 Informe, ganha uma nova publicação Online.
Trata-se da revista digital Kromnws, feita pela equipe de jornalismo G7 Post.
A revista será produzida quinzenalmente, publicada as quartas-feiras.
Com notícias de política, economia, ciência, tecnologia, e as notícias internas do G7 Orcon.

Aqui, nossa equipe vai buscar trazer a você, reportagens especiais e artigos, com nossas opiniões e análises dos fatos mais relevantes ocorrentes na sociedade,
dentro dos temas propostos pela marca.

A Revista Kromnws, é acessível para todos os públicos de pessoas, especialmente deficientes visuais.
Por isso, diferente de outras do mercado, seu foco está no texto apresentado e não em imagens.
Assim como, no Portal G7 Informe que segue a mesma linha editorial.

Nosso objetivo, é te levar a conhecer e ter informação, de credibilidade e como as coisas acontecem, sejam elas quais forem.
A revista, nasceu de um projeto de pessoas que, acreditam e admiram o trabalho desenvolvido pelo Jornalista Guilherme Kalel.
Com 14 anos de Jornalismo, completados em 7 de julho de 2021, conquistou fãs em todas as esferas do país.
De políticos a bancários, aqueles que conhecem a trajetória de Kalel, se inspiram.

De pessoas simples do dia dia, a ex-presidentes da república, o Jornalista tem, uma incontável carteira de fãs e de assinantes, que se estendem para fora do Brasil também.
Não é incomum, acessos em seu Site, virem de outros países.
Onde o destaque de seu trabalho chegou, por posições firmes, e essenciais para que isso ocorresse.

Sem medo de falar a verdade, Guilherme Kalel sempre foi muito crítico.
Nunca se refutou a expor as suas opiniões e posições.
Conquistou prêmios por isso e conquista fãs a cada dia.
O Jornalista, também tem pessoas que desejam trabalhar com ele, aprender com ele, levar seu Jornalismo ao alcance de outros.

É muito comum, que Guilherme receba pedidos de treinamento de muitos Jornalistas, especialmente jovens.
E que os treine, conforme sua possibilidade e suas capacidades técnicas, quando existem vagas na sua equipe.
Jornalistas treinados por Guilherme Kalel, estão aptos a trabalharem na sua empresa de comunicação,
e em outras por aí.
Hoje, ele tem jornalistas em jornais de renome, regionais e nacionais, em revistas de sucesso, dado o tamanho da importância de seu trabalho.

Guilherme Kalel, criou o G7 Post, um departamento de jornalismo, para editar e publicar revistas.
Preparou o lançamento de duas delas em agosto, com temáticas diferentes.
Pessoas que enxergam o potencial de seu trabalho, viram além.
Propuseram ao Jornalista com algum investimento, unificar essas ideias e ampliar o leque de conteúdos, criando este projeto agora denominado Kromnws.

Por que Kromnws?
Quem conhece Kalel e seu trabalho, sabe que sua vida pessoal mistura-se a profissional.
E as pessoas que passaram por ela e deixaram suas marcas, estão registradas aqui.

Kate e Keila Zimmer
Assessoras e irmãs, elas faleceram de câncer, nos anos de 2016 e 2017, respectivamente.
Kate especialmente, foi muito ligada a Kalel, trabalhando com ele de 2013 a sua morte em 2016, e integrando os momentos mais importantes de sua carreira nesta época.

Rodrigues é o sobrenome da família de Guilherme, que ele carrega com honra.
Sobrenome do avô Otair, e que ele passou para os filhos, Kalel Francisco, Ester Maryanna e Nathalie Victoria.
E para a esposa Adriana.

Otair Rodrigues da Cunha, para quem conhece o Kalel, dispensa apresentações.
Avô materno, cuidou do Jornalista desde seu nascimento.
Foi seu tutor e um dos maiores incentivadores de sua carreira.
Auxiliou o neto a concluir seus estudos, o deu o primeiro notebook para que cursasse universidade.
Faleceu em 2010, conhecidentemente no dia 25 de agosto.
11 anos depois, na data de sua morte, que melhor forma de o homenagear, se não criando uma revista que nasce com DNA de Kalel, para ser um sucesso?

Mariana Monary, era advogada e foi Jornalista de Kalel.
De 2013 a 2020, esteve com ele nos momentos mais complexos de sua carreira e nas suas maiores alegrias.
Foi casada com Kate Zimmer, esteve perto de Kalel, e lutou e venceu com ele, as batalhas judiciais mais difíceis especialmente as contra criminosos digitais que tentaram o
destruir, de 2017 a 2019.

Giovana Miccelann
foi uma das mais fiéis amigas e Jornalistas de Guilherme, empresária foi importante parceira comercial do G7.
Suas empresas foram as primeiras a acreditar, junto ao banco Bradesco, no trabalho do Jornalista.
Dando patrocínios e incentivos para que seu Site crescesse.

Nathália Valle
Trabalhou com Guilherme Kalel, de 2017 a 2021, quando morreu vitimada pela Covid-19.
Nathália era programadora e desenvolvedora de novas tecnologias, e acabou também, virando Jornalista da área, incentivada e motivada por Kalel.

Walter Moura
Sogro de Guilherme Kalel, também foi vítima da Covid-19 em 2021.
Antes, acolheu o Jornalista após a morte do avô em 2010, antes mesmo de Guilherme se quer, pensar em se casar com a sua filha Adriana.
Foi da convivência lá, que se gerou uma família hoje.

Salete Letermann
A última sigla desta revista é, uma das figuras mais importantes de Kalel.
A médica que iniciou seus tratamentos médicos em 2009, que ele segue até os dias de hoje.
Que foi essencial para os diagnósticos mais difíceis do Jornalista, e uma das responsáveis por hoje sua estadia aqui.

Todas essas pessoas que dão nome a revista hoje, passaram pela vida de Kalel, deixaram suas marcas, e agora que não estão mais presentes fisicamente, eternizam seus nomes
através das siglas que formam a palavra Kromnws.

O nome surgiu, de uma vontade de Kalel em homenageá-los, dado por Lívia Tomazelli.
Guilherme gostou da sugestão e por esta razão, adotou o nome para seu novo conjunto de unificações em revista.