Governo vai ao STF contra toques de recolher nos estados

Por Anna Keringger, Do Informe Franca

19/03/2021 | 6h

O governo federal vai entrar com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no STF contra estados brasileiros.
A informação foi dita pelo Presidente Jair Bolsonaro na noite de quinta-feira, 18 de março.
O objetivo da ação, é impedir que os estados decretem toque de recolher ou Lockdown, durante a pandemia da Covid-19.
Para Bolsonaro, governadores e Prefeitos estão usurpando seus poderes conferidos na Constituição, porque só uma pessoa no Brasil poderia fazer esses decretos, o Presidente.
Mas muitos governantes tem adotado a medida, mediante a inércia do Presidente em fazer qualquer coisa.
Desde o começo, Bolsonaro tem sido negacionista e ofertado medicamentos sem eficácia comprovada para as pessoas.

Aceitando um pouco melhor as vacinas agora, o Presidente diz no entanto que não existem imunizantes para serem vendidos e que cheguem imediatamente para a população.
Em suas declarações, Bolsonaro disse ainda que pretende lançar um projeto no Congresso, que determina que todas as atividades que gerem renda para uma família, são essenciais.
Isso também vai barrar o fechamento dos setores da economia, em eventuais decretos de isolamento.

As atitudes do Presidente acontecem, num momento onde o Brasil vive a pior curva de contaminação e internação pela Covid-19.
E onde as taxas de morte estão já batendo a casa de 3 mil ao dia.
No mesmo momento em que, especialistas afirmam que até o final de abril, o país vai matar 4 mil por dia, e em breve poderá ser o país com mais mortes no mundo.