Reação da vacina – Anvisa investiga possíveis casos de coagulopatias após aplicações de Astrazeneca

Por Mariana Novacki, Do Health Informe

12/03/2021 | 15h02

A Agencia Nacional de Vigilância em Saúde no Brasil, informou nesta sexta-feira, 12, que abriu investigação para apurar 5 casos de pessoas que tiveram episódios de coagulopatias,
formação de coágulos de sangue no corpo, depois de serem vacinadas.
Essas pessoas teriam tomado a vacina de Oxford, desenvolvida em parceria com a Astrazeneca.

Contudo a vacinação com o imunizante não está proibida.
O número de 5 casos de reação para um universo de 3 milhões de pessoas vacinadas é muito pequeno para causar comoção nacional, explica a Anvisa.
Mais cedo nesta sexta a vacina foi aprovada em uso definitivo pelo órgão no Brasil.

Na Europa, casos de coagulopatias também foram relatados e estão sendo investigados.
As vacinas Astrazeneca e Pfizer também estão em investigação na Ásia.

Por enquanto não da para saber se as pessoas foram alvo das vacinas,
ou se isso é um episódio que já ocorreria com elas de qualquer modo.
Isso porque, essas pessoas que estão sendo vacinadas são na sua maioria muito idosas.
E idosos tem a tendência de terem quadros de trombos, formações de coágulos.