Estados registram casos de vacinação falsa em idosos

Por Mariana Novacki, Do Health Informe

16/02/2021 | 7h

Pelo menos 3 estados brasileiros, solicitaram apoio da Polícia Federal, para investigar casos de falsas aplicações de vacinas no Brasil.
Goiás, Alagoas e Rio de Janeiro, tiveram registros de idosos que foram se vacinar, mas que os profissionais da saúde não chegaram a aplicar a dose.
A seringa chega a ser injetada no braço da pessoa, mas o seu êmbolo não é empurrado para que o liquido desça.
Assim a vacina não é aplicada, e a sua dose é usada para outra pessoa, sem que ninguém saiba.
Enfermeiros e técnicos de enfermagem, estariam usando isso para vender as doses clandestinamente ou para aplicarem em parentes e amigos.
A prática é ilegal e nunca tinha sido registrada antes no Brasil em campanhas de vacinação.
Ambos os estados disseram que, investigações estão sendo realizada para apurar as condutas desses profissionais,
ao longo dos últimos dias, diversos vídeos feitos nas unidades de saúde, tem demonstrado a prática dos profissionais.
O Conselho Regional de Enfermagem em cada estado, disse que já solicitou aos governos estaduais e a polícia, que apurem as denúncias.

Ninguém recomenda que as pessoas nestes ou noutros estados, deixem de se vacinar.
Mas é pedido atenção para verificação da aplicação na maneira correta, ressalta o Conselho.
Quem for flagrado cometendo o abuso, pode ser denunciado por crime contra a saúde pública, e irá perder a licença para exercer a profissão.