Coronavírus – Variante brasileira se manifesta em ao menos 10 estados e em 15 países do Mundo

Por Lívia Tomazelli, Do Health Informe

13/02/2021 | 6h58

A variante brasileira da Covid-19, continua a deixar seu rastro por onde quer que ela passe,
e tem passado por cada vez mais lugares assustando as pessoas.
3 vezes mais mortal que a primeira variação do vírus, que apareceu em dezembro de 2019 na China, a nova mutação vem preocupando as autoridades de saúde.
Ela já se mostrou ser resistente a vacinas, por isso na África por exemplo, foi suspendida a imunização de pessoas com as vacinas da Astrazeneca.
Pelo menos até que sejam realizados novos estudos que provem, a eficácia de um imunizante contra essa cepa.

A variante do Brasil foi classificada pela OMS como P1, e está presente em 15 países nas regiões das Américas, Ásia, África e Europa.
No Brasil, o Ministério da Saúde informou que pelo menos 10 estados, incluindo Pará, Paraíba, Amazonas e São Paulo, apresentam casos da variante.
Mas esse número pode ser maior, já que os testes com sequenciamento da Covid-19 foram suspensos pelo governo.
Desde o final de janeiro, os dados das Secretarias de Saúde nos estados, mostram que o Ministério não faz repasses para que laboratórios possam estudar as mutações.
Os dados oficiais mostram que, o último envio de atualização no sistema da Covid, que reúne dados sobre a doença, casos etc, mostram 7 estados com a cepa.
Eles são de 10 de fevereiro.

Mas as atualizações levam uns dias para entrar no sistema, por isso os dados das Secretarias, que foram repassados pela Pasta da Saúde, são divergentes e aparecem 10, ao em vez de 7 estados.
A Europa, apresentou alguns dados que ainda estão sendo analisados por cientistas da localidade, antes de serem divulgados.No Brasil, não existem testes realizados para saber se as vacinas aplicadas são eficazes no combate ao Vírus.